Sobre

Conheça todas as Conquistas oficias Bilbbo.

O Juiz
leia →
Conquistas
O Juiz
Áudio drama
O Juiz
0:00
0:00
Estamos preparando e revisando este conto, em breve o publicaremos aqui. :D

Tomaz Schutter era um homem de meia idade, com seus mais de 1,90m de altura, barriga proeminente, cultivada por idas ao bar da cidade após sua jornada de trabalho. O grande bigode, loiro claro com fios ruivos já clareados pela idade, era bem cheio e terminava em pontas curvas, que criaram uma espécie de TOC em Tomaz, que as enrolava de tempos em tempos.Parecia ser apenas mais uma manhã de outono. O clima escaldante do verão dera lugar ao frescor da estação vigente, o que justificava o uso de um bom cobertor para se proteger durante o sono. Schutter despertou com dificuldade e demorou para sair da cama aquecida. Se levantou com pesar e se arrumou para mais um longo dia de trabalho. Olhou pela janela e reparou no inconfundível vapor que saia de tantas máquinas mirabolantes que formavam as engrenagens da cidade. Passou a mão pelos suspensórios e se dirigiu até a cozinha. Verificou sua cafeteira a vapor e encontrou somente um café passado, provavelmente do dia anterior. Olhou com pesar e encheu sua caneca com o líquido negro. Bebeu a contragosto, tentando absorver a energia proveniente dos grãos moídos. Seria um longo dia, definitivamente. Em cima de sua escrivaninha, pousava uma folha amarelada, com caligrafia trabalhada. No topo, estava escrito a data do dia. “ A cada dia que passa, perco mais e mais a fé nesta cidade. Quinze casos, por Deus! Um mais catastrófico que o outro. Melhor me apressar para o tribunal.” Torceu o bigode, vestiu o paletó e colocou em sua mala a túnica do tribunal e sua peruca de Juiz. Realmente, seria um longo dia.

Próximos contos

Próximos capítulos

Ambiente de leitura
Light
Grey
Sepia
Dark
-T
Tamanho de Fonte
+T