Ficção Científica Nacional é tema do último episódio do podcast Lanterneiro

O podcast Lanterneiro trouxe Rafael Silvaro, fundador da editora Madreperola, e Maurício Coelho, autor e fundador da editora Cyberus para uma conversa sobre a ficção científica.

Viralume
May 20, 2021
Começou, agora termina queride!

Nesta quinta-feira (20), o podcast Lanterneiro trouxe Rafael Silvaro, fundador da editora Madreperola, e Maurício Coelho, autor e fundador da editora Cyberus para uma conversa incrível sobre a ficção científica brasileira.

O episódio foi inspirado no último financiamento da editora Madreperola, O Livro da Ficção Científica Brasileira, uma coletânea que traz 39 contos e apresenta os mais variados subgêneros do Sci-Fi: viagem no tempo, distopia, invasão alienígena e space opera.

O modelo de antologias favorece a criação de literatura nacional e a entrada de novos autores no mercado independente e foi justamente o modelo adotado pela editora para a criação desta nova obra de ficção científica nacional.

Além disso, o Rafael e o Maurício trouxeram suas perspectivas sobre o cenário da ficção científica brasileira e como ela vem evoluindo ao longo dos anos dando origem a novos subgêneros como Amazofuturismo, Cyberagreste e Steamfunk (temas também abordados neste outro episódio)

A nova publicação da madreperola é totalmente ambientada no Brasil e busca valorizar a produção nacional do tema. Os contos da coletânea trazem características locais, regionais e globais, sempre buscando trazer características da cultura brasileira para a ficção científica.

O podcast Lanterneiro é um oferecimento da Bilbbo, o hub da literatura nacional onde autores, leitores e editoras independentes se encontram para apresentar suas novas perspectivas sobre literatura o universo e tudo mais. Você também pode ouvir o programa pelo Spotify, iTunes, Google Podcasts e Castbox.

Sobre o Viralume

O Viralume é a frente de conteúdo sobre o mercado literário independente da Bilbbo. Aqui você viaja entre dimensões sem precisar de uma arma de portais.